quinta-feira, 18 de novembro de 2010

O Bolso esperto argentino com sotaque italiano

Recentemente falei de malbec enjoativo e pouco adapto para harmonizações com comida, pelo contrário este é um malbec bastante gastronômico.

Assim como vimos neste outro caso, Altos lãs Hormigas é um projeto todo italiano em Mendoza. Na década de 90 o famoso enólogo toscano Alberto Antonini juntou um time de empresários e de técnicos do vinho para explorar o terroir argentino e a uva Malbec.

Pelo visto deu certo, pois o Reserva desta marca já entrou várias vezes na lista dos top 100 da Wine Spectator.

Este rótulo que segue já é mais simples, mas mesmo assim de notável qualidade (somente para citar, obteve 90 pontos pelo Robert Parker) e pelo preço de R$ 36,00 vai ser sem dúvida membro do nosso clube do Bolso Esperto.

É um 100% malbec, as uvas são provenientes de Luján de Cuyo e de Valle de Uco e 50% delas tem breve passagem em madeira.

Os aromas vão da cereja ao alcaçuz, com notas herbáceas. No palato é de corpo médio, mostra estrutura e caráter. Frescor proporcionado pela boa acidez e taninos firmes, faz dele um vinho muito equilibrado, mesmo com seu alto teor alcoólico (14,40% na safra 2007 por mim degustada).

Enfim, um malbec diferente dos usuais malbecs argentinos que costumamos tomar normalmente, bem convidativo para acompanhar um prato de massa.

É importado pela Mistral.


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...