segunda-feira, 14 de junho de 2010

Super-vinho para um super-dia


Desta vez não foi pura indulgência, pois a ocasião requeria um vinho mais importante.

Sendo eu europeu, pra mim o dia dos namorados é no dia 14 de Fevereiro, mas moro no Brasil, fazer o que..? Tenho que me adaptar e comemorar duas vezes por ano!

A dica é a seguinte: se você não for um super-herói, pega pelo menos um Supertoscano: a sua mulher ficará igualmente encantada.

Então a ocasião era propícia para abrir este vinho, que em minha opinião é simplesmente fantástico. Um dos melhores que já tive o prazer de beber.

A vinícola Brancaia mesmo não sendo muito antiga conseguiu conquistar o gosto dos enófilos exigentes, graças sim aos seus Chianti Clássico, mas sobretudo graças aos seus incríveis Supertoscanos.

Se você olhar a garrafa e o rótulo deste pequenininho parece um vinho de mesa de baixa qualidade e não dá nem 30 pratas nele (menos ainda os quase R$ 400 que custa), mas este “vinello” coleciona pontualmente desde a primeira safra em 1998 os máximos reconhecimentos da crítica italiana (3 Bicchieri do Gambero Rosso, 5 Grappoli do Duemilavini da AIS), 96 pontos pela Wine Spectator e 95 pontos pelo Robertinho Parker.

Este Il Blu é o top de linha da vinícola e é um corte de Sangiovese (50%) com Merlot (45%) e Cabernet Sauvignon (5%). Estagia 20 meses em barricas de carvalho e 4 meses em garrafa antes de ser comercializado.


Vinho: Il Blu IGT

Safra: 2006

Produtor: Brancaia

País: Itália

Região: Toscana

Importadora: Grand Cru

Custo médio: R$ 380,00

 

 
Pessoalmente achei o vinho show em tudo (menos que na garrafa e no rótulo, umf!): uma linda cor rubi intenso com reflexos violetas. No nariz uma explosão de fruta silvestre e flores. Na boca grande corpo e volume, aveludado, taninos em quantidades, mas muito finos e sedosos. Belo equilíbrio. Potente sim, mas com certa elegância. Final infinito.

Sei que se tivesse esperado mais alguns anos teria sido perfeito, mas era o dia dos namorados, ué!
Compensei decantando-o por quase uma hora.

E me tornei um super-herói.

Em tempo: o Peter Parker (homem-aranha) não é parente do Robert Parker.

Voto gringo: 9

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...