segunda-feira, 21 de junho de 2010

Oh! Susana Não chores por mim

Onde você estava com a cabeça, Susana? Vinho medíocre de você não esperava...

Susana Balbo é talvez a mulher mais famosa no mundo dos vinhos argentinos. Talentosa enóloga, depois de 25 anos a serviço de vinícolas importantes como Michel Torino e Catena Zapata, resolveu em 1999 adquirir uma propriedade em Mendoza, fundando assim a Domínio del Plata, junto com mais dois sócios.

Ela é autora de vinhos muito bem sucedidos, como os da linha Crios, sucesso mundial graças ao ótimo custo em troca de uma boa qualidade. São vinhos jovens sem estágio em madeira, porém muito bem trabalhados, que raramente levam menos de 90 pontos pela imprensa internacional especializada.

Eu inclusive tomei alguns desta linha (tintos e brancos) e realmente são vinhos interessantes e com personalidade própria.

Então com esta expectativa comprei este Malbec por ela criado, esperando claramente nada de sensacional (sendo a Anubis a linha básica da vinícola), mas talvez um pouco de complexidade maior, pois madura 13 meses em barricas de carvalho.


Vinho: Anubis Malbec
Safra: 2007
Produtor: Domínio del Plata
País: Argentina
Região: Mendoza
Importadora: Cantu
Custo médio: R$ 27,00




Olhem, complexidade até tem, mas achei o vinho nem um pouco a altura da competência da Susana.

Os aromas são interessantes, lembrando vinho de velho mundo por seu mentolado/herbáceo e na boca desce bastante macio, mas sobressaiu álcool e acidez e ainda tinha um amargor no final. Em uma palavra: desequilibrado. Mesmo depois de ter decantado por 40 minutos.

Pecado, com este vinho a Domínio del Plata perdeu a chance de ter um bom entry level: para apreciar bons exemplares da casa tem que se começar necessariamente dos Crios.

Mas fique tranquila, Susana, “pois eu volto pra Argentina pra tocar meu banjo assim”.

Voto gringo: 5

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...