domingo, 3 de abril de 2011

Cinque Terre: espetáculo, fadiga e um vinhão secreto

Verdade, os vinhos da região de Cinque Terre, na Ligúria, não são entre os mais famosos da Itália. O lugar é lindo e ensolarado, mas fazer vinhos por ali não é certamente tarefa fácil. Os vinhedos descem pelo costão até o mar. Como o amigo e colega Peter do blog Além do Vinho disse neste abrangente post sobre os vinhos da região, "os vinhedos são verdadeiros desafios para o produtor".

Reparem nas imagens do seguinte vídeo.


O vídeo é certamente espetacular, e este carrinho pendurado ajuda um pouco, mas os empregados sobem e descem a ladeira a pé todo dia com caixas de uva nas costas: já pensou no esforço diário?

Além de bom brancos e tintos, a região esconde um tesouro secreto, pra mim o melhor vinho da Ligúria: o Sciacchetrà. Um fantástico vinho de sobremesa raro e precioso, um passito produzido com as uvas Bosco, Albarola e Vermentino.

Entre os produtores indico um nome sobre todos: a vinícola Possa. O dono Samuele-Heydi Bonanini nunca estudou enologia, mas é discípulo do renomeado barolista Elio Altare (do Piemonte) e trabalha com o coração e dedicação. Faz um cultivo totalmente orgânico e produz a sua jóia Sciacchetrà em quantidades minúsculas: da última safra somente 368 garrafas de 0,375L (!), de forma totalmente artesanal.
Além dos clássicos aromas florais e sabores de fruta em compota e mel, ele tem uma salinidade e um final balsâmico (o que o torna muito fresco) e infinita persistência.
Se tiver a oportunidade não deixe de experimentar. Diferente de todos os vinhos de sobremesa que já provou.


6 comentários:

  1. Mario.

    De fato me olvidei deste tesouro doce, mas as informações são tantas e devemos condensá-las sem perder o charme que acabei esquecendo de postá-lo. Mas para isto servem os amigos, ainda mais um amigo italiano e amante de vinhos.

    Obrigado Um abraço www.alemdovinho.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. O legal é que o esquecimento serviu de link entre os blogs sem que tenhamos combinado.

    Amizade é sintonia acima de tudo

    ResponderExcluir
  3. Peter,
    Obviamente é impossível conhecer todos os vinhos, e este realmente é somente para “insiders”. Você conhece muito além de qualquer outro connaisseur que encontrei na vida! E, como você disse, os amigos servem para indicar bom vinhos. E realmente foi sintonia pura. Eu ia escrever sobre este vinho e quando vi a sua matéria sobre Cinque Terre o link foi automático (e obrigatório)!
    É isso ai meu irmão, um brinde a nós!

    P.S. Viu o vídeo que impressionante?

    ResponderExcluir
  4. Mario

    O vídeo é absolutamente esclarecedor. Eu imagino os fenícios e os antigos romanos, como eles plantavam, rabalhavam e colhiam estas uvas? Quem tem vertigem não pode trabalhar ali. Realmente não sabia da qualidade deste passito. Quando tiver a oportunidade de apreciá-lo não deixarei passar.

    Por fim o Mario sempre gentil.

    Um abraço Peter

    ResponderExcluir
  5. Mario, essa é uma dica que vale ouro ! Nunca provei esses vinhos de Cinque Terre, mas vou sair procurando imediatamente !

    Alguma sugestão de onde se pde encontrá-los por aqui ?

    ResponderExcluir
  6. Nivaldo,
    Obrigado pela consideração!
    Ainda não vi nenhum Sciacchetrà por aqui. Se eu encontrar te passo com certeza o contato, mas além disso, logo que eu conseguir um vou convidar os amigos do blog para tomarmos juntos!
    Grande abraço!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...