quarta-feira, 28 de setembro de 2011

O grande teste do Mondovinho: descubra quanto você é enochato

Os enochatos são...chatos, justamente. Tornam tudo mais pesado, mais ainda no mundo do vinho que é já chato em si. Mais que aceitar um convite para um jantar com um deles, prefiro ir sozinho ao McDonald’s, me destruindo com Coca-Cola e hambúrguer. Para me defender de suas garras, com o tempo, desenvolvi um pequeno teste anti-enochato. Sugiro que o faça, caro leitor, e se você se reconhecer em pelo menos 5 pontos, ganhará a admiração da comunidade. Por favor, não agradeça.

1) Você não fala “um agradável retrogosto amendoaaado”
Você consegue degustar um vinho sem declarar de sentir uma nota de amêndoa no final. E quando isso é mesmo inevitável, se concentra pelo menos para não pronunciá-lo com ênfase na segunda “a”.

2) Você não compra somente Ornellaia/Almaviva/Achaval Ferrer/Lafite e tops do gênero
Você não tem o seu agiota de confiança. Isso porque encontra boas garrafas de ótima relação qualidade/preço (Bolso Esperto, para quem não conhece) até no mercadão, onde você tem um único objetivo. O microfone anunciará: “Se perdeu uma criança de 52 anos, convidamos a gentil clientela a entregá-lo aos seguranças na entrada do mercado onde a esposa o espera impacientemente”. Será encontrado sempre na seção do vinho, enquanto está lendo detalhadamente rótulo por rótulo.

3) Mas também não compra somente os vinhos da vinícola Seilá da denominação de origem Aondeéestelugar
Você não precisa do inspetor Kojac para encontrar bons vinhos.

4) Consegue não dizer “biodinâmico” para dois jantares consecutivos
Pode falar de vinho com os amigos sem ter que contar necessariamente a história do estrume dentro do chifre de vaca enterrado no outono e desenterrado na primavera. Além da enochatice, sugiro não falar de estrume na mesa. Nunca.

5) No restaurante pede Sauvignon Blanc com a entradinha de verduras e Chianti com a carne
Você evita comer picanha com um Riesling e geralmente se limita a escolher tintos com carne e brancos com peixe. É tão simples, por que vai querer complicar as coisas?

6) Não faz redemoinho com a sua taça por meia hora antes de beber
Você bebe o seu vinho pouco depois que foi servido, evitando montar a clara que nem tiramisù.

7) Não pede o decanter até para o Reservado
Você sabe que alguns vinhos, não que sejam reticentes, simplesmente têm pouco a dizer. Então, não os torture agitando-os por horas tentando que “confessem” a qualquer custo.

8) No Natal não me conta a história que em 1990 por um mero acaso bebeu um Romanée Conti e que não pareceu nada de especial.
Você só espera que um dia esse milagre aconteça. E já sabe que será uma emoção incrível, que nem uma aparição da Nossa Senhora.

9) De vez em quando experimenta um bag-in-box.
Sim, você faz isso e sem sentir a menor vergonha. E até acha agradável um ou outro.

10) Todas as manhãs lê o MondoVinho.
Ainda antes que o seu cérebro de manhã consiga fazer 2+2, já tem a página aberta do mais irreverente blog de vinhos do Brasil diante dos olhos. Sua casa não tem espaço para Wine Spectator e Decanter, e, se tiver, é perto da privada. Estas revistas te ajudam que nem ameixas.

12 comentários:

  1. Gostei da dica de nunca falar sobre estrume à mesa! HAHAHAHA Essa de enterrar e desenterra chifre de vaca é boa. A lista ficou muito boa, mas só faltou um ponto, se me permite: "Você não emenda sempre a frase 'levou XX pontos do Parker' ao falar de um vinho"

    ResponderExcluir
  2. Boooa, Lavi,
    Realmente faltou e agradeço pelo acréscimo. Fica então registrado aqui o 11° ponto.
    Obrigado por estar por aqui.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Adoooooro!!
    Dar risada antes de dormir é sensacional!
    Parabéns pelo post e pelo humor. Apoio o 11º ponto!

    Beijos
    Evelyn

    ResponderExcluir
  4. Evelyn,
    Muito obrigado, fico super-feliz com a suas palavras.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  5. Mario, estamos em sintonia, de novo. Acabei de postar algo sobre o assunto, evite ser um estraga prazer http://wp.me/pPKW2-Dq Depois vou ver o teu blog e de outros amigos, como o da Evelyn, faz tempo que não os revejo. Aí encontrei este. Muito bom e espirituoso. Eu os combato onde estiverem, eles complicam o que é fácil e, pior, afastam os iniciantes intimidando-os.

    Um abraço Peter (alemdovinho)

    ResponderExcluir
  6. Meu amigo Peter,
    acabo de ler sua matéria: obviamente não tenho como descordar, vc disse tudo!
    Obrigado pela visita e pelo comentário!
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  7. Acho que enochato vem antes disso...rs..enochato faz cursinho de vinho e acha que é sommelier. Dá aula de degustação malolática cada vez que um vinho tinto é aberto. Enochato também é chato em diversas áreas, porque a chatice não é seletiva! Não senhor! Experimente falar de arquitetura
    ele também vai entender tudo. Rs!

    ResponderExcluir
  8. Hahaha, Cacá, então podemos tirar a palavra "eno" e deixar somente "chato". rsrsrs
    Obrigado pela leitura e pelo comentário.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  9. Oi Mario,
    Como pode ver ando atrasada na leitura do seu blog, mas não deixo de ler.
    Adorei esse post. Como tem chato!!
    Abs

    ResponderExcluir
  10. Nossa vou prestar mais atencao sobre o que eu falo depois deste post, rsrsrs...partindo do fato que a maioria dos meus amigos nao sabem a diferenca entre um cabernet sauvignon e um pinot noir,..rsrs...e que tb as vezes a pessoa quer comprar um vinho e tomar-lo simplesmente, sem toda um poesia de aromas e retrogustos...rsrsr...me desculpe, mas eu vou ter que copiar o seu post traduzi-lo ao espanhol e enviar para os meus colegas de classe da escola de sommelier,...rsrsrs... mas claro preservando os direitos
    autorais...rsrs
    Saludos,
    Dieniser Loiola

    ResponderExcluir
  11. Cara Rosane,
    Obrigado, fico feliz que volte sempre.
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  12. Dieniser,
    Muito obrigado, o seu comentário bem humorado se integra perfeitamente com o espirito deste post, e do blog em geral.
    Abraço!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...