quarta-feira, 25 de março de 2015

Um belíssimo branco "natural" do meu País

Os vinhos do Corrado Dottori são feitos com cabeça e coração: produção rigorosamente “natural”, vinhas de baixo rendimento conduzida com cultivo orgânico e uso de leveduras indígenas. Sua vinícola La Distesa está localizada na região italiana de Marche, especificamente na área de Castelli de Jesi.

Ontem provei este excelente Terre Silvate 2013.
Basicamente um varietal de Verdicchio, com uma pequena presença de Trebbiano e Malvasia, conforme a antiga tradição local. De fato o vinho poderia entrar na denominação Verdicchio dei Castelli di Jesi (onde esteve até alguns anos atrás), mas a particular vinificação da casa não é permitida pela legislação, portanto é classificado com a IGT Marche Bianco. A questão “polêmica” é que o vinho passa em maceração com as cascas e faz longa fermentação com as borras (cerca de 6 meses), o que não parece bem visto pelos legisladores. Pena para eles e bom para nós, pois desta forma o vinho ganha mais cor, corpo e complexidade e pouco importa sua denominação.

O registro aromático é bem interessante, com mineralidade acentuada, e perfumes delicados de maça verde, ervas, casca de limão, flores brancos, musgo e notas de amêndoa. Na boca é bem seco, confirmando as sensações citadas, com uma acidez espetacular e um final médio-longo muito saboroso.

P.S. Não sei dizer quanto custa ao público, paguei em restaurante R$ 126,00.


Vinho:
Terre Silvate
Safra:
2013
Produtor:
La Distesa di Corrado Dottori
País:
Itália
Região:
Marche
Uvas:
Verdicchio, Trebbiano e Malvasia
Álcool (Vol.)
13,5%
Importadora
Piovino
Preço médio
R$ 120
Avaliação internacional
-
Avaliação MV
** (marcante)



0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...