quinta-feira, 16 de maio de 2013

MondoCerva: um clássico da Bélgica


Gostaria de estrear a coluna MondoCerva com uma das loiras que mais tenho tomado quando morava na Europa, e que continuo tomando aqui sempre com prazer. Um clássico da Bélgica, a Leffe Blonde. Produzida pelos monges desde o século XIII, na abadia de Notre Dame de Leffe, hoje de fato a marca é uma multinacional, e as garrafas produzidas em larga escala; mas não por isto perdeu suas interessantes características de cerveja artesanal. Uma boa introdução ao estilo Abbey (significa justamente abadia), prelúdio para as grandes Trappist.
Tem cor clara, corpo médio, aroma de especiarias e sabor seco e frutado (banana e mel), com ataque sutilmente adocicado, terminando com um gostoso amargor. Não pode deixar de provar.

Pais: Bélgica
Álcool: 6,6%
Preço médio (garrafa 330ml): R$ 7,00

4 comentários:

  1. Legal, Mario!
    Boa idéia a coluna MondoCerva. Eu já pensei em postar sobre algumas cervejas no blog, mas não segui em frente. Também sou fã de cervejas. E é claro, para não fugir às origens mineiras, na refugo uma dose de cachaça (de Salinas, preferencialmente - E que não seja falsificada, claro! rs).
    Abraços,
    Flavio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Flavio,
      Mais uma vez em sintonia, que bom!
      Obrigado pela visita, abraço!

      Excluir
  2. Tatiane dos Santos19 de maio de 2013 20:28

    Parabéns Mario,

    o mercado da cerveja artesanal no Brasil está crescendo cada vez mais,com aumento de revistas especializadas e por ai vai...Sua coluna agregará muito, fico com vc, prefiro tomar uma boa cerveja que um vinho ruim.

    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Tatiane,
      Fico feliz que concorda comigo.
      Abraço!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...