domingo, 31 de julho de 2011

Vinho orgânico não existe (a lei NÃO é igual para todos)

O vinho orgânico no velho mundo não existe, e temo, nunca vai existir. Sim, claro, tem os vinhos procedentes de uvas orgânicas, onde a certificação pertence somente ao cultivo das uvas. Mas na adega das vinícolas as coisas mudam, e uma vez engarrafado temos que beber o que eles querem que bebamos. Pelo menos até quando a União Européia não aprove um regulamento digno desse nome.

O obstáculo maior dos produtores “bio” chama-se anidrido sulfuroso, aquela simpática substância que ninguém quer, mas que todos, mais ou menos, usam, não existindo ainda válidas alternativas para a conservação do vinho. O problema é que o enxofre, vamos chamá-lo com seu nome real, não faz muito bem para a saúde, e contrabandeá-lo como alimento não é coisa muito bonita. Poderia se limitar o uso, mas o maior problema é justamente estabelecer a quantidade máxima permitida.

Logo quando todos pareciam concordar, chega na mesa do SCOFF (Standing Committee on Organic Food and Farming, a comissão permanente para a alimentação e a agricultura orgânicas) um projeto de regulamento que cancela um ano de negociações e torna piores os acordos já feitos. De acordo com o projeto, os níveis de enxofre no vinho não serão iguais para todos, mas menores para os países do Mediterrâneo e maiores para a Alemanha que, na prática, vai ostentar a certificação de "Vinho Orgânico" mesmo tendo igual nível de enxofre do vinho convencional. Alguns espertos enfiaram até uma liminar que consente superar os limites "em caso de condições climáticas adversas" e pronto! O jogo está feito: o vinho orgânico não existe. 

4 comentários:

  1. Eu já escrevi algo nessa lina e fui apedrejado. Claro, "vinho orgânico" é bom marketing e muita gente tem a ganhar com isso. Esses produtores (e seus importadores) deveriam ser processados por propaganda enganosa. Hey, mas quem é que entende disso no Ministério da Agricultura, n'est-ce pas? Bela matéria!

    ResponderExcluir
  2. Andy,
    Não tenho como discordar: todo mundo quer pegar esta onda “saudista”, tanto na moda, mas nem todo mundo respeita as regras. E se os governos incentivam a não respeitá-las, então é o fim da picada...
    Envie-me a sua matéria a respeito!
    Obrigado pela visita.
    Abs

    ResponderExcluir
  3. Mario, sempre me surpreendendo,graças a Deus, com sua polêmicas matérias.

    Mas concordo, os vinhos são bio até a vinícola, depois.... bem dizem por aí que se faz vinho inclusive de uva.

    Mas este tal de enxofre é feroz. Tenho alta sensibilidade a ele, me dá uma dor de cabeça terrível e ainda me dispara a bronquite asmática. Alguns espumantes mais baratos desisti de beber tal a dor de cabeça.

    De qualquer sorte um grande abraço ao amici e belo blog.

    Peter

    ResponderExcluir
  4. Peter,
    Muito obrigado pelo seu valioso testemunho. Sempre bom ter você por aqui.
    Um abração!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...