quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Já temos o vinho do ano?

Até soa meio estranho e arriscado dizer isto em janeiro, mas, meus amigos, já temos um forte candidato à vinho do ano de 2014 no MondoVinho. Não poderia ser diferente, estamos na frente de um ícone da enologia mundial, verdadeira bandeira de viticultura italiana: o mítico Sassicaia. No ano passado degustamos em mais de uma ocasião o de safra 2009, que já está muito saboroso agora, mas que sem duvida precisa de mais um tempo de descanso em garrafa. Recentemente “desovei” um 2007 da minha adega, acreditando que estivesse já mais prontinho, e de fato estava certo. É claro que ainda ia evoluir (e muito bem) para umas décadas ainda – segundo a critica internacional este exemplar desta safra deveria ser degustado entre 2012 e 2037 – mas como não estava com paciência de esperar até o ano de 2037, resolvi abrir o moleque agora, e, entre nós, fiz muito bem.

O Sassicaia foi o primeiro Supertoscano (veja a história aqui), mas poucos sabem que a propriedade da Tenuta San Guido foi também a primeira “Oási” oficial do WWF na Itália, devido ao seu único ecossistema. Natureza então em primeiro lugar no território de Bolgheri, a Bordeaux italiana. O vinho é inspirado nos grandes tintos de Medoc, Chateau Lafite principalmente, de onde o foram importadas as primeiras mudas de Cabernet Sauvignon e Cabernet Franc. E são exatamente estas as uvas que compõem até hoje o corte deste fora de série, na ordem: 85% e 15% nesta safra de 2007. O mosto faz maceração de 15 dias com as cascas, madura por 24 meses em barricas de carvalho francês e ainda descansa 6 meses antes de ser comercializado.

O decantei por cerca de meia hora, e o danadinho mudava de aroma a cada instante: fruta negra intensa, notas defumadas, alcaçuz, terra molhada, toques herbáceas, flores secas, couro. Na boca é elegantíssimo, concentrado, mas leve, com textura super-aveludada, transmitindo os mesmos aromas no palato e algo mais. Acidez espetacular, taninos intensos e finos, final longuíssimo. Álcool na medida certa (13,5%) e madeira perfeitamente integrada.

Vinhaço que faz jus ao próprio nome, um verdadeiro Premier Grand Cru da Maremma Toscana.

Curiosidade: o que significa Sassicaia? O nome vem do terreno pedregoso da propriedade (veja foto abaixo): pedras em italiano se diz “sassi”.

Os "Sassi" da Tenuta San Guido

O meu exemplar de 2007
  
Vinho:
Sassicaia
Safra:
2007
Produtor:
Tenuta San Guido
País:
Itália
Região:
Toscana
Uvas:
Cabernet Sauvignon (85%), Cabernet Franc (15%)
Alcoól (Vol.)
13,5%
Importadora:
Ravin
Custo médio:
R$ 1.500,00
Notas:
RP95; WS93; GR3







8 comentários:

  1. Caro Mario,
    Tem o meu voto!
    Abraços,
    Flavio

    ResponderExcluir
  2. Grande Flavio,
    Então temos já 3 votos, pois seu voto vale o dobro!
    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo blog, um dos que mais visitamos. Iremos colocar um link directo no blog da empresa.

    Continuação do excelente trabalho.

    Boas provas,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado, fico feliz e lisonjeado com suas palavras!

      Excluir
  4. O melhor que nós temos! Grande vinho italiano!
    Tom Meirelles

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Tom,
      Você sabe do que estou falando...
      Abraço!

      Excluir
  5. Prezado Mario.
    Tive o prazer de tomar um Sassicaia até hoje. Era magnum e de uma safra nao das mais badaladas, 2003. Achei espetacular, especialmente no final prolongado.
    Parabéns pelo blog.
    Abs.
    Márcio Erdós.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcio,
      Realmente a safra de 2003 foi uma das piores de sempre na Toscana (junto com a de 2002), mas estes grandes produtores conseguem fazer vinhos fantásticos até em safras mais fracas - veja também a minha matéria sobre o Solaia 2002 http://mondovinho.blogspot.com.br/2013/05/grande-vinho-safra-ruim-veja-o-resultado.html
      Obrigado pela visita e pelo seu gentil comentário.
      Abraço

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...