quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

E você, já provou Nebbiolo da Lombardia?


Este vinho foi trazido muito gentilmente pela Monique Perlini, irmã do meu grande amigo Claudio, diretamente da Itália. A família deles é originária da região de Lombardia, ao norte da “bota”, e, em ocasião de sua recente viagem em visita aos famíliares, a Monique fez questão de me trazer um vinho típico de lá, escolhendo este N°1 - Numero Uno IGT da vinícola Plozza. E que escolha! Sinceramente não conhecia nem o rótulo nem o produtor, mas foi uma das melhores surpresas degustadas ao longo de 2012.
Já a apresentação é de primeira, com um packaging, bonito e requintado – veja foto abaixo: caixa cilíndrica, papel preto e garrafa linda, com rótulo dourado rígido colado no vidro.
Mas mais interessante ainda foi o conteúdo líquido.

A vinícola, embora italiana, tem sua sede na Suíça, precisamente em Brusio, no Cantão Grisões (onde moradores, hábitos e idioma oficial, são basicamente italianos), mas os vinhedos estão na Itália mesmo, localizados na Valtellina, província de Sondrio.

Este N°1 (I.G.T. Terrazze retiche di Sondrio) é um nebbiolo 100%, que não tem absolutamente nada a invejar a seus colegas mais célebres do Piemonte. Claro que o terroir faz a diferença, aqui não vamos encontrar a tipicidade de Barolo o Barbaresco, mas tem todas as melhores características da casta.

Aroma sedutor de passas e ameixa, com notas de cravo e uma leve pimenta. Na boca é muito complexo, confirmando no paladar as sensações aromáticas acima, com adição de canela, baunilha, tabaco, café e notas tostadas. Taninos finos, levemente e agradavelmente amargos, acidez perfeita e final persistente. O álcool, elevado (15%), não é nem um pouco perceptível.

Um vinho suntuoso. Pena que não seja importado no Brasil.

Un grazie di cuore a Monique e Claudio! 





0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...