quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

O Top 10 das tendências no consumo de vinho

A vinícola americana Gallo (a maior do mundo, diga-se de passagem) elaborou uma lista das 10 tendências de consumo de vinhos nos EUA. Claro que estes trends podem ser (e em muitos casos são) bem diferentes em outros países, mas como a cultura do Tio Sam acaba influenciando de qualquer forma o planeta inteiro (ou quase) e o mercado de vinho americano é um dos principais do mundo, achei interessante compartilhar resumidamente aqui a abordagem do consumidor yankee em relação ao vinho.
Acho o mercado brasileiro ainda longe sob alguns aspectos, mas umas tendências acredito sejam parecidas. Confira:


1) Os primeiros 3 fatores que influenciam na escolha de algo novo são (na ordem):

-Indicação de amigos, familiares ou colegas de trabalho
-Indicação do sommelier, barista ou garçom em bares/restaurantes
-Indicação de vendedor da loja de vinho mais próxima

2) Os Millennials (também conhecidos como Geração Y: pessoas entre 18 e 34 anos) são 4 vezes mais influenciados que os Baby Boomers (faixa de idade 51-69) na escolha de um vinho na base de seu rótulo; procurando nele personalidade e singularidade. Já o público mais maduro procura no rótulo mais informações, como região de origem e notas de degustação.

3) O consumidor de vinho sabe o que ele gosta. Ele consome uma média de 3,2 marcas regularmente (sobretudo as marcas com preços mais acessíveis)

4) Falando em ‘’tribos’’ (ou categoria) de consumidor os entrevistados se identificam como segue, na ordem:

      - Aventureiro
      - Iniciante/aprendiz
      - Tradicionalista
      - Fiel a marca(s)
      - Esnobe (enochato)


5) Os principais medos em relação ao vinho, na ordem:

- Medo de pronunciar o nome de um vinho de forma errada
- Medo de ser o escolhido na mesa para fazer a prova de um vinho pedido num restaurante
- Medo de conversar sobre vinho com outras pessoas.
- Medo de ser julgado pela escolha de um vinho



6) 1 de cada 5 consumidores já provou vinho em lata e 32% dos entrevistados reconhece vinho em lata como ideal para piquenique e outras ocasiões ao ar livre onde pode ser incomodo usar garrafas, abridores, taças.

7) Os consumidores mais jovens (millennials) consumam 2 vezes mais vinho rosé que os mais maduros (baby boomers). Isto especialmente entre primavera e verão.

8) Os mais jovens consomem mais vinho espumante que os mais maduros, que tendem a optar por um chardonnay ou merlot.

9) 37% dos entrevistados afirma que vinho confeccionado em bag-em-box é muito conveniente, contanto que caiba na geladeira e especialmente em ocasiões com muitas pessoas, concordando de maneira geral que a qualidade dos vinhos em caixa de papelão melhorou.

10) 85% dos consumidores freqüentes de vinho afirma que vinho é igualmente bom tanto para ocasiões formais quanto para as informais, reconhecendo de maneira geral que o vinho está se tornando a cada vez mais menos formal. A uva mais popular em ocasiões informais é a Chardonnay, já a casta mais comum para eventos formais é a Cabernet Sauvignon.


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...