quarta-feira, 1 de junho de 2016

E aí, vai um vinho em cápsula?


Você que toma seu café expresso em cápsulas (como eu), saiba que está atrasado: chegou a hora de beber seu vinho em cápsula também!

Na verdade mais que de cápsulas se trata de frasquinhos, tipo tubinhos de ensaio, mas o concept é mais ou menos o mesmo. A idéia é de poder degustar vinho em taça em casa sem ter a obrigação/preocupação de abrir e/ou terminar uma garrafa inteira.

Os frasquinhos contêm doses de 100ml (muito míseros, na verdade): oportunamente inseridos na cafeteira maquina especialmente projetada que rapidamente consegue oxigenar e resfriar o líquido, servem rapidinho uma taça (mísera) de vinho já arejada e na temperatura ideal.


As opções de vinho são múltiplas e já aderiram à idéia muitos produtores de várias regiões francesas, incluindo as mais badaladas. Assim, por exemplo, é possível comprar uma mono-dose de um Grand Cru Classé de Bordeaux, um Premier Cru da Borgongna, um Hermitage, um Chateauneauf-du-Papé até chegar aos vinhos mais simplesinhos.

Daí, igual ao concept da casa de café que lançou a moda das cápsulas no mundo, a empresa francesa 10-Vins que inventou e patenteou este sistema, reproduz o estilo sofisticado nas embalagens bonitinhas, kits de design refinado e outras frescuras amenidades; ainda é possível assinar o clube exclusivo que envia aos seus assinantes um número predefinido de frasquinhos por mês.

Honestamente ainda não decidi se é uma grande invenção ou uma bobagem intergaláctica. 
Mas depois de ver os preços acho que estou mais tendendo para a segunda opção: a máquina D-Vine custa 890 Euros e os (míseros) frasquinhos vão de 2 a 16 Euros.






2 comentários:

  1. Prezados:

    Li uma matéria de 19/11/2011 sobre os vinhos Plaisir de Merle, importados pela casa Flora.Gostaria de adquirir estes vinhos, pois os conheci em 2000 na África do Sul mas, infelizmente, a Casa Flora não trabalha mais com esse produtor (Stellenbosch)>
    Vocês saberiam me indicar onde posso encontrar este vinho?
    Outro vinho que não consigo encontrar é o Velho do Museu, da Carrau. Alguma dica?
    Estou em São Paulo, mas posso comprar pela internet, desde que o frete seja razoável.
    Muito obrigado
    Sanzio

    ResponderExcluir
  2. Caro Sanzio,
    Infelizmente desde que a Casa Flora descontinuou a importação destes rótulos, a Plaisir de Merle não voltou mais para o nosso mercado brasileiro. Uma pena, pois são vinhos excelentes.
    Já acho que não terá muitos problemas em encontrar o Vinho Velho do Museu.
    Veja este link: http://www.juancarrau.com.br eles te indicarão a loja mais próxima a você.
    Obrigado pela visita e pelo seu comentário

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...